Pesquisar este blog

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Sequência de ‘Guerra Mundial Z’, com Brad Pitt, perde diretor

Juan Antonio Bayona teria pedido mais tempo para começar gravações, mas estúdio quer manter data de estreia para junho de 2017


O espanhol Juan Antonio Bayona (O Impossível), escalado para dirigir a sequência de Guerra Mundial Z, filme que tem Brad Pitt como protagonista e produtor, deixou o longa. A Paramount confirmou a saída de Bayona mas informou que segue com os planos de filmar a história ainda este ano. Segundo o siteDeadline Hollywood, o diretor sentiu que precisaria de mais tempo para dar início às filmagens, uma vez que ele ainda tem compromissos relacionados ao filme A Monster Calls, o qual acabou de gravar. A Paramount, no entanto, estaria decidida a lançar a produção em 9 de junho de 2017.

"Devido a compromissos cinematográficos pré-existentes, Bayona não poderá dirigir Guerra Mundial Zneste ano - como é a nossa ambição fazê-lo. Ele é um diretor maravilhoso e nós esperamos trabalhar com ele em breve", disse o estúdio em comunicado.

O primeiro filme de Guerra Mundial Z foi dirigido por Marc Foster. Baseado na obra homônima de Max Brooks, o longa mostra Pitt no papel de um ex-investigador da ONU que é convocado pelo governo para ajudar a salvar o planeta de um apocalipse zumbi. A produção, lançada em 2013, arrecadou 540 milhões de dólares em bilheteria ao redor do mundo.